A História da Tecnologia Blockchain: Conheça sua Timeline

0

A tecnologia Blockchain é uma das maiores inovações do século XXI, dado o efeito cascata que foi gerado por ela em vários setores, desde financeiro, manufatura e educação. Apesar de ainda desconhecido a muitos, a história da Blockchain começa nos anos 90.

Desde que sua popularidade começou a crescer há alguns anos, várias aplicações surgiram, que ressaltaram o tipo de impacto que está tecnologia trará para o mundo e para todos as empresas que desejam se destacar no mercado.

Linha do Tempo da Tecnologia Blockchain

historia de la tecnología blockchain

1991-2008: Primeiros Anos da Tecnologia Blockchain

Como surgiu a blockchain? Stuart Haber e W. Scott Stornetta imaginaram o que muitas pessoas passaram a conhecer como blockchain, em 1991.
Inicialmente o primeiro projeto envolveu a criação em uma rede de blocos protegidos criptograficamente, onde ninguém poderia adulterar o registro de data e hora dos documentos.

Blockchain Certification Course

Em 1992, eles atualizaram seu sistema para incorporar árvores Merkle que aumentavam a eficiência, permitindo a coleta de mais documentos em um único bloco. No entanto, é em 2008 que a História Blockchain começa a ganhar relevância, graças ao trabalho de uma pessoa ou grupo pelo nome Satoshi Nakamoto.

Satoshi Nakamoto é conhecido como o cérebro por trás da tecnologia blockchain. Muito pouco se sabe sobre Nakamoto, pois as pessoas acreditam que ele poderia ser uma pessoa ou um grupo de pessoas que trabalhavam com Bitcoin, a primeira aplicação da tecnologia de contabilidade digital.

Nakamoto conceituou o primeiro blockchain em 2008, de onde a tecnologia evoluiu e encontrou seu caminho em muitas aplicações além das criptomoedas. Satoshi Nakamoto lançou o primeiro whitepaper sobre a tecnologia em 2009. No whitepaper, ele forneceu detalhes de como a tecnologia estava bem equipada para melhorar a confiança digital, dado o aspecto de descentralização que significava que ninguém jamais controlaria qualquer coisa.

Desde que Satoshi Nakamoto saiu da cena e entregou o desenvolvimento do Bitcoin para outros desenvolvedores, a tecnologia digital evoluiu, resultando em novas aplicações que compõem a história do blockchain.

Uma pergunta muito comum, quando foi inventado a blockchain? Podemos dizer que a Blockchain foi inventado em 1991.

Estrutura Blockchain

Em termos simples, o Blockchain é um serviço de registro distribuído no formato “peer-to-peer” (de pessoa para pessoa) que é seguro e usado para gravar transações monetárias em sua rede descentralizada de computadores. O conteúdo do registro só pode ser atualizado adicionando outro bloco vinculado ao bloco anterior. Ele também pode ser pensado como uma rede “peer-to-peer” rodando pela internet.

Em termos leigos ou empresariais, blockchain é uma plataforma onde as pessoas podem realizar transações de todos os tipos sem a necessidade de um árbitro central ou confiável.

O banco de dados criado é compartilhado entre os participantes da rede de maneira transparente, onde todos podem acessar seu conteúdo. O gerenciamento do banco de dados é feito de forma autônoma usando redes ‘peer-to-peer’ e um servidor de registro de data e hora. Cada bloco em um blockchain é organizado de tal maneira que faz referência ao conteúdo do bloco anterior.

Blockchain Certification Course

Os blocos que formam uma blockchain contêm lotes de transações aprovadas pelos participantes de uma rede. Cada bloco vem com um hash criptográfico de um bloco anterior na cadeia. Leia mais sobre o que é blockchain.

Evolução da Blockchain: Fase 1- Transações

2008-2013: Blockchain 1.0: Emergência do Bitcoin

A maioria das pessoas acredita que Bitcoin e Blockchain são a mesma coisa. No entanto, esse não é o caso, já que Blockchain é uma tecnologia subjacente que aciona a maioria das aplicações, das quais uma é a criptomoeda.

O Bitcoin surgiu em 2008 como a primeira aplicação da tecnologia Blockchain. Satoshi Nakamoto, em seu whitepaper, detalhou-o como um sistema eletrônico “peer-to-peer”. Nakamoto formou o bloco da gênese, do qual outros blocos foram extraídos, interconectados, resultando em uma das maiores cadeias de blocos que transportavam diferentes informações e transações.

Desde que o Bitcoin, uma aplicação do blockchain, caiu nos ouvidos dos desenvolvedores, uma série de aplicativos foram cortados e todos buscam alavancar os princípios e capacidades da tecnologia de contabilidade digital. Consequentemente, o portfólio da blockchain foi ganhando uma longa lista de aplicativos que surgiram com a evolução da tecnologia.

Evolução da Blockchain: Fase 2- Contratos

2013-2015: Blockchain 2.0: Ethereum

Caso procure por alguém que entenda sobre esta nova tecnologia, Vitalik Buterin com certeza será uma boa opção a ser consultada. Ele que foi um dos primeiros colaboradores do Bitcoin e, viu que a criptomoeda não explorava por completo todo o leque de opções que a rede blockchain tinha a oferecer.

Preocupado com as limitações do Bitcoin, Buterin começou a trabalhar no que ele achava que seria uma blockchain maleável que poderia executar várias funções além de ser uma rede “peer-to-peer”. O Ethereum nasceu como uma nova blockchain pública em 2013 com funcionalidades adicionais em comparação com a Bitcoin, um desenvolvimento que se tornou um importante marco na história da Blockchain.

Buterin diferenciou a Ethereum da Bitcoin Blockchain ao habilitar uma função que permite às pessoas registrar outros ativos, como slogans e contratos. O novo recurso expandiu as funcionalidades do Ethereum de ser uma criptomoeda para ser uma plataforma para o desenvolvimento de aplicativos descentralizados também.

Lançada oficialmente em 2015, a blockchain Ethereum evoluiu para se tornar uma das maiores aplicações da tecnologia blockchain, dada sua capacidade de suportar contratos inteligentes usados ​​para executar várias funções. A plataforma blockchain da Ethereum também conseguiu reunir uma comunidade ativa de desenvolvedores que estabeleceu um verdadeiro ecossistema.

A blockchain da Ethereum processa o maior número de transações diárias graças à sua capacidade de suportar contratos inteligentes e aplicativos descentralizados. Seu valor de mercado também aumentou significativamente no espaço de criptomoeda.

Evolução do Blockchain: Fase 3- Aplicações

2018: Blockchain 3.0: O Futuro

A história e a evolução da Blockchain não param com Ethereum e Bitcoin. Nos últimos anos, vários projetos surgiram, alavancando todos os recursos da tecnologia blockchain que têm procurado resolver algumas das deficiências do Bitcoin e do Ethereum, além de apresentar novos recursos que alavancam os recursos da blockchain.

Algumas das novas aplicações da blockchain incluem a NEO, anunciada como a primeira plataforma open source, descentralizada e blockchain lançada na China. Mesmo que o país tenha banido as criptomoedas, ele permanece ativo quando se trata de inovações de blockchain. A NEO lança-se como o chinês Ethereum já tendo recebido o apoio do CEO da Alibaba, Jack Ma, pois planeja ter o mesmo impacto que o Baidu no país.

Na corrida para acelerar o desenvolvimento da Internet das Coisas, alguns desenvolvedores se esforçam para alavancar a tecnologia blockchain, e surgiu a plataforma com nome de IOTA. A plataforma de criptomoedas é otimizada para o ecossistema de Internet das Coisas, uma vez que se esforça para fornecer taxas de transação zero, bem como processos de verificação exclusivos. Ele também aborda alguns dos problemas de escalabilidade associados ao Blockchain 1.0  e o Bitcoin.

Além do IOTA e do NEO, outras plataformas de blockchain de segunda geração também estão tendo um efeito cascata no setor. O Monero Zcash e o blockchain surgiram como uma forma de abordar alguns dos problemas de segurança e escalabilidade associados aos primeiros aplicativos blockchain. Apelidado como Altcoins de privacidade, a plataforma destes três blocos busca fornecer altos níveis de privacidade e segurança quando se trata de transações.

O histórico da blockchain discutido acima envolve redes públicas da blockchain, onde qualquer pessoa pode acessar o conteúdo de uma rede. No entanto, com a evolução da tecnologia, várias empresas começaram a adotar a tecnologia internamente como forma de aumentar a eficiência operacional.

As grandes empresas estão investindo muito na contratação de profissionais à medida que buscam obter uma vantagem inicial sobre o uso da tecnologia. Empresas como Intel e Microsoft parecem ter assumido a liderança quando se trata de explorar aplicações de tecnologia blockchain, resultando no que veio a ser conhecido como blockchains privadas, híbridas e federadas.

 2015: Hyperledger

Em 2015, a Linux Foundation revelou um projeto da Umbrella de blockchain de código aberto. Eles passaram a chamá-lo de Hyperledger, que até hoje atua como um desenvolvimento colaborativo de registros distribuídos. Sob a liderança de Brian Behlendorf, a Hyperledger busca promover a colaboração entre indústrias para o desenvolvimento de blockchain e de livros distribuídos.

O foco do Hyperledger é incentivar o uso da tecnologia blockchain para melhorar o desempenho e a confiabilidade dos sistemas atuais para suportar transações comerciais globais.

 2017: EOS.IO

A criação da EOS, uma empresa privada originária da block.one que surgiu em 2017, na publicação de um white paper detalhando um novo protocolo blockchain alimentado por uma EOS como criptomoeda nativa. Ao contrário de outros protocolos blockchain, a EOS tenta emular atributos de computadores reais, incluindo CPU e GPU.

Por esse motivo, a EOS.IO se desdobra como uma plataforma de contrato inteligente, bem como um sistema operacional descentralizado. Seu principal objetivo é incentivar a implantação de aplicações descentralizadas por meio de uma corporação autônoma descentralizada.

Timeline Blockchain BitcoinEthereumNEO
1991-2008 Stuart Haber e Scott Stornetta trabalham na primeira blockchain
2009Satoshi Nakamoto lança o white paper do Bitcoin
2010 A primeira compra de Bitcoin 10.000 BTC acontece
2013Marketplace do Bitcoin supera 1 bilhão de dólares Vitalik Buterin lança o white paper do Ethereum
2014Blockchain Ethereum é financiado num crowdsale

 

2014A Blockchain R3 é formada e num consórcio com mais de 40 Financiadoras acreditando no sucesso da tecnologia.
2014 Projeto NEO é lançado como Antshares por Da Hongfei e Erik Zhang
2015Ethereum se consolida como segunda maior blockchain pública.
2015A Linux Foundation cria a Hyperledger para melhorar o desenvolvimento da blockchain privada.
2017EOS.IO é revelado pela block.one como um novo protocolo blockchain para a implementação de aplicações descentralizados.
2015-2018  A Tecnologia Blockchain continua a evoluir representada pelo aumento do número de criptomoedas, bem como pelas empresas que utilizam a tecnologia para melhorar a eficiência.

 

2018: História das Blockchain e o Futuro

O futuro da tecnologia Blockchain parece brilhante em parte devido à maneira como os governos e as empresas estão investindo em grande escala, à medida que buscam estimular inovações e aplicações. Está ficando cada vez mais claro que um dia haverá uma blockchain pública onde qualquer um poderá usar.

Os defensores esperam que a tecnologia ajude na automação da maioria das tarefas realizadas por profissionais de todos os setores. A tecnologia já está encontrando utilidade no gerenciamento de suprimentos, bem como no negócio de computação em nuvem. A tecnologia também deve encontrar seu caminho em itens básicos, como o mecanismo de busca na internet no futuro.

À medida que a tecnologia evolui, a parte de tendência do site Gartner espera que pelo menos um negócio construído sobre blockchain para vir a ser avaliado em mais de 10 bilhões de dólares até 2022. A empresa de pesquisa espera que o valor do negócio da tecnologia de livro digital crescer para mais de 176 bilhões de dólares até 2025 e exceder os 3,1 trilhões de dólares até 2030.


About Author

Olá, sou o Lucas! Graduando em Engenharia de Computação pela UNIFEI - Universidade Federal de Itajubá. Apaixonado por tecnologia e desenvolvedor mobile com foco em Android nativo. Trabalho como freelancer nas horas vagas e sempre em busca de novos desafios.

Leave A Reply